AINDA A PROPÓSITO DO OSCAR...

27.02.2019

Alô, Chics! 

Ao ver a espetacular entrada de Billy Porter, ator da série Pose, no tapete vermelho do Oscar deste ano, achei, assim como muita gente, que sua roupa - meio smoking, meio saião de vestido de baile – era uma referência à atualíssima discussão sobre gêneros e diversidades em geral.


A roupa, na verdade, não foi uma criação do estilista Christian Siriano, mas, sim, uma homenagem ao verdadeiro criador do traje, Hector Xtravaganza, estrela da cena musical Vogue de Nova York nos anos 1980.

Hector morreu aos 53 anos em 2018 e foi consultor para o seriado, que retrata os bailes e as vidas dos personagens da noite daquela época: as drags e as trans, a comunidade negra, suas montagens, seus conflitos, sua arte e suas vidas.


Beijos,

Gloria